FANDOM


Caern Central dos Get of Fenris, situado na Floresta Negra, Alemanha.

Para maiores informações, verifique o módulo Caerns - Places of Power.

O conteúdo abaixo não consta em nenhum módulo da White Wolf.

Cercanias

  • Kleinstdat

Uma das pequenas vilas de kinfolks margeando a Floresta Negra, tem cerca de 200 habitantes. O trabalho em vidro e madeira é exportado para cidades longe dali, e é de onde tira-se parte do sustento. Kleinstadt tem um certo clima de contos de fada, devido a este artesanato, com suas casas sempre com decorações vívidas e criativas. No entanto, seus habitantes - como de costume ali - são fechados e pouco extrovertidos face aos raríssimos visitantes exteriores. A Floresta Negra e seus primos especiais são fonte do assombro contínuo em que vivem, e por medo evitam-na sempre que podem, apesar do corte de lenha ser permitido com inúmeras restrições em suas margens, em bosques mais afastados.

Habitantes de Destaque:

Eva Sonnen - uma jovem com sensibilidade sobrenatural, vigiada com interesse pelos Fenris. Sente-se totalmente à vontade entre os Garou, como se eles jamais lhe pudessem fazer mal: entretanto, ela nunca passou pela Mudança. Às vezes é encontrada vagando pela floresta, como se seguindo algo que nem ela consegue precisar, em um estado quase de sonambulismo, quando às vezes tem visões ou pressentimentos - muito para o desespero de seus pais, que não conseguem evitar por muito tempo que ela seja atraída para a floresta, e a curiosidade dos que sabem ouvir. Muitos olhos ciosos, entretanto, a seguem, dos Guardiões a um grande espírito de lobo no Umbra, ainda não identificado, para que nada lhe aconteça. Fenris e Garous de outras paragens que resolverem ter ideias erradas com ela encontrarão a fúria dos Guardiões.

Hans Barth - Prefeito de Kleinstdat. Com as regras um pouco diferentes das demais cidades alemãs, o cargo de prefeito é vitalício, podendo uma votação ser convocada a qualquer hora para se escolher um novo. Garous procuram não se meter nestes assunto, mas basta que um diga sim ou não a um candidato ou prefeito eleito, e o resultado instantaneamente passa a ser outro. Hans acha tudo, no fundo, apenas uma chatice, mas sabe que tem sorte que em Kleinstdat todos sabem o seu papel, e a prefeitura não é exatamente procurada. O aborrecimento atual é ter que decidir quem continua a morar ali e quem não, pois a cidade não pode passar muito de certos números indicados pelos Fenris. Ao mesmo tempo, o controle do paradeiro das linhagens precisa ser mantido.

Una Zeist - Cronista de Kleinstdat, anota atentamente o paradeiro das três famílias locais: Zeist, Sonnen e Barth. De vez em quando um galliard a ajuda, ou vem consultá-la, sendo procurada também pelas demais comunidades de Parentes da Floresta Negra. Quase 90 anos, é a Parente mais velha da cidade.

O Caern da Fonte das Visões

A dois dias de marcha do Caern do Punho de Sangue existe, em uma caverna oculta e com proteções místicas, um pequeno caern desativado há muito tempo, dedicado à visões, chamado Caern da Fonte das Visões. Sua magia já se dissipou quase toda, e os Garous que lá haviam foram em sua época chamados pelo Grande Caern ou tomaram um caminho próprio e misterioso, atrás do "Mistério da Prata". Após séculos e séculos, a Fenris Força de Gaia quis, para seu Rito de Passagem, finalmente encontrar a localização deste lugar, embora boa parte do Septo achasse que aquela era uma fool's errand. Havendo encontrado somente a morte nas mãos de agentes da Wyrm, coube à matilha dos Warpigs encontrar seu corpo, vingá-la e trazê-lo de volta, para em seguida retornar e por fim encontrar tal caern; efetivamente sendo os primeiros Garous lá dentro presentes em mais de mil anos.

Diplomacia

Diplomacias tribais

Apesar de ser um caern central de tribo, a notória falta de tato dos Fenris deixa a desejar com questões diplomáticas. Isso, e aliado a uma alta taxa de renovação do integrantes da seita e dirigentes do caern, torna o lugar sujeito a súbitas mudanças de humor. No geral, eles respeitam e demonstram boa vontade com os Silver Fangs. As demais tribos são vistas entre o descaso e o desprezo. Mesmo entre os de sua própria tribo, o caern não é uma unanimidade, tradicionalistas apontam para o Caern do Leão do Norte como a verdadeira base da tribo.


Diplomacia entre Caerns

A diplomacia entre Caerns é importante pois mostra os contatos e alianças entre os vários Caerns e seus septos e o Caern do Punho de Sangue.

A indicação diplomática não indica necessariamente que existam as pedras do caminho que possibilitam a abertura de pontes da lua entre os caerns. O nível diplomático indica a relação entre os caerns.


|-

|-

|- |-
Caern Localização Nível diplomático Pedras do Caminho
Caern do Vento Frio Copenhague, Dinamarca DelicadoSim
Caern do Céu Noturno Valáquia, RomêniaRuimNão
Caern da Deusa Catalunha, EspanhaRestritoSim
Caern dos Filhos de Morrigan Borgonha, FrançaRestritoSim
Caern da Gruta Funda BélgicaBomSim
Caern de Grunewald AlemanhaBomSim
Caern do Leão do Norte Dalarna, SuéciaDelicadoSim

Caern da Lua Crescente
Caern Central dos Silver Fangs

Montes Urais, Rússia Bom Sim
Caern do Olho do Oeste
Caern Central dos Children of Gaia
San Francisco, EUARestritoNão
Caern de Skansen Estocolmo, SuéciaSuperficialNão
Caern da Tripla Espiral
Caern Central dos Fianna
IrlandaRestritoSim
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.