FANDOM


Protegido-do-Falcão

Nome: Carl Van Der Weken

Cargo: Guardião

Tribo: j

Auspício: q

Nascimento: o

Posto: Adren

Totem Pessoal: Falcão

Característica: Paranóia

Carl Van Der Weken era o kinfolk estrategista de sua família, tendo um passado militar nas forças armadas belgas, sendo um especialista em operações de infiltração. Durante a batalha contra a Casa do Uivo Austero, na exultação de sua estratégia ter sido aceita pelos Silver Fangs, e depois ao vê-la magistralmente dar certo, ele sofre sua Primeira Mudança.

O Falcão o acolheu quando, apesar de sua paranóia vier se aguçando galopantemente desde sua Mudança, ele ainda assim honrou diversos acordos e promessas com quem ele, normalmente, não teria o menor pudor em trair, durante a realização de uma missão. Desde então, o empenho de sua palavra tem se tornado uma lei mais sagrada do que normalmente é para um Silver Fang -- e, certamente, para um Ragabash.

A Lua Nova para Carl foi uma estranha velha novidade. Dentro deste caern tão tradicionalista, foi ele o responsável por adaptar novas técnicas de combate de pequenas unidade à realidade garou - ou ainda, à realidade Silver Fang.

Sabe-se que Presas-de-Prata o tem em conta, por nos últimos anos ter executado a contento missões de espionagem e infiltração em prol do caern, graças à sua maestria com os "brinquedos da Weaver". Os mais tradicionalistas podem torcer o nariz, mas ele é, afinal, o Protegido do Falcão. Seu sonho é instalar modernos sistemas de vigilância no caern, mas sabe que tão cedo isto não será possível.

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.